Salão de SP: Nissan apresenta o elétrico LEAF que está em pré-venda no Brasil por R$ 178.400

Nissan LEAF aparece pela primeira vez na América Latina

A segunda geração do Nissan LEAF, o veículo 100% elétrico mais vendido do mundo, fez hoje sua estreia na América Latina durante a coletiva de imprensa da Nissan na 30ª edição do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, no pavilhão do São Paulo Expo. O modelo é um dos destaques do estande da marca japonesa no evento, que abre as portas ao público entre os dias 8 e 18 de novembro.

Com vendas confirmadas para o mercado brasileiro a partir do primeiro semestre de 2019, o novo Nissan LEAF representa um novo patamar no mercado de carros elétricos produzidos em larga escala, oferecendo mais autonomia, tecnologias avançadas, além de um design renovado e dinâmico. Em sua segunda geração, foi totalmente reinventado para oferecer ainda mais autonomia e um design renovado, moderno e dinâmico, além de incorporar tecnologias avançadas para traduzir a liderança tecnológica da Nissan

Em sua segunda geração, com uma aceleração empolgante semelhante a um carro esportivo, o Nissan LEAF foi totalmente reinventado para oferecer ainda mais autonomia e um design renovado e moderno, além de incorporar tecnologias avançadas como o e-Pedal, que aumenta o prazer de dirigir.

Além de inovador, o Nissan LEAF é o ícone da Nissan Intelligent Mobility, visão da marca que busca transformar a maneira na qual os veículos são conduzidos, impulsionados e integrados na sociedade, para atingir um futuro com zero emissão e zero acidente.

Graças à maior autonomia das baterias e à evolução das tecnologias de condução autônoma, sem contar os sistemas únicos do carro, como o e-Pedal, o novo Nissan LEAF permite fortalecer a liderança da Nissan em veículos elétricos e promover a expansão do segmento em escala global – são mais de 365 mil LEAF vendidos mundialmente desde 2010, ano do lançamento da primeira geração. Além disso, o modelo exibe atributos-chave que serão vistos em futuros modelos da Nissan.

Salão de SP: Audi apresenta novos A6, A7, A8, Q8, e-tron e RS4 Avant

Entre os principais destaques que a marca apresentará no evento estão os três modelos mais luxuosos da família A: A6, A7 e A8. As novas gerações dos veículos estão mais modernas, repletas de tecnologia embarcada e trazem acabamento impecável.

Os lançamentos

Audi A6– A oitava geração do sedã, que chega às lojas brasileiras no primeiro semestre do próximo ano, traz numerosas inovações para o segmento. Entre os destaques estão o sistema MMI sensível ao toque totalmente digital, com soluções de conectividade e assistência inteligentes, a suspensão que combina conforto, suavidade e estabilidade, a acústicasofisticada, o interior mais espaçoso e o design elegante. Serão duas versões oferecidas: a Prestige Plus é equipada com motor 2.0 TFSI de 245 cv e 370Nm de torque, enquanto a Performance traz um 3.0 V6 TFSI que desenvolve 340 cv e 500 Nm. Ambos os motores contam com a tecnologia híbrida leve.

Audi A7–O modelo também será um dos destaques no evento. O visual incorpora a nova linguagem de design da Audi, mantendo seu estilo de Gran Turismo. O veículo oferece ainda ampla digitalização, uma experiência de direção dinâmica e um conceito de carroceria que combina o espaço de um sedã e a versatilidade de uma perua. Oferecido em versão única, o A7 Sportback traz sob o capô um motor 3.0 V6 TFSI com 340 cv de potência e 500 Nm de torque. Junto ao câmbio S tronic de sete marchas, esse conjunto acelera o cupê de quatro portas de 0 a 100 km/h em 5,3 segundos, chegando a uma velocidade máxima de 250 km/h. A tração quattro faz parte do pacote. O modelo também conta com spoiler aerodinâmico traseiro, que é acionado automaticamente aos 130 km/h.

Audi A8– A marca traz ao Salão 2018 a quarta geração do sedã, um dos mais luxuosos e tecnológicos do mundo. Primeiro carro com condução autônoma nível 3 a ser produzido em série, o A8 possui o assistente de trânsito Audi AI, que assume controle da condução quando o trânsito está lento, até 60 km/h, em rodovias onde uma barreira física separa as duas faixas da pista.O assistente de trânsito administra a partida, aceleração, direção e frenagem. O motorista poderá retirar suas mãos do volante e, dependendo das leis nacionais, focar em uma atividade diferente oferecida pelo automóvel. O modelo traz um motor 3.0 TFSI V6 de 340 cv, que também conta com tecnologia híbrida leve. A Audi irá comercializar também no Brasil em 2019 a versão 4.0 55 TSFI V6 de 340 cv.

Audi Q8– Modelo que chega para se tornar o topo de linha da família Q, o SUV tem dimensões generosas, compartimento de bagagens variável, sistema operacional de última geração, suspensão tecnológica e sistemas de assistência inteligentes. Com o sistema de tração integral permanente quattro e uma altura livre do solo de até 254 milímetros, o veículo chega ao mercado brasileiro em 2019. O Q8 é um representante da  nova linguagem de design da marca, combinando características de um elegante cupê de luxo de quatro portas com um SUV de grande porte. Seu motor será um 3.0 V6 TFSI, que desenvolve 340 cv de potência e torque de 500 Nm. A transmissão tiptronic de oito velocidades oferece trocas de marcha rápidas e suaves.

Audi RS 4 Avant– Equipado com o novo motor2.9 V6 biturbo TFSI, capaz de render 450 cv de potência e 600 Nm de torque, 170Nm a mais que a versão anterior, tração quattro e câmbio tiptronic de oito marchas, o RS 4 Avant é um ícone da esportividade característica do DNA da Audi. O modelo combina desempenho surpreendente a uma versatilidade de um station wagon para o uso diário – um carro divertido e familiar ao mesmo tempo. A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em apenas 4,1 segundos e sua velocidade máxima chega aos 280 km/h. O interior ressalta o lado “apimentado” da perua, com bancos esportivos, volante multifuncional com base plana e os gráficos específicos da linha RS no Audi virtual cockpit, como informações sobre força G, pressão dos pneus e temperatura, bem como potência e torque.

e-tron – O primeiro modelo de produção em série totalmente elétrico da marca é um SUV de grande porte que possui autonomia de alto nível para usabilidade diária. O e-tron possui silhueta expressiva, traseira imponente e a grade Singleframe cinza clara, ressaltando indicadores da tecnologia de alta tensão que contribuem para uma experiência de condução especial, além de ser um carro totalmente conectado. O SUV elétrico é equipado com dois motores elétricos de emissões neutras de CO2 e silenciosos, que produzem 300 kW, o equivalente a 408 cv. A autonomia é de até 400 quilômetros. O e-tron será o primeiro carro capaz de ser recarregado em sistemas de 150 kW. Isso significa que será mais rápido para carregar a bateria e necessários apenas 38 minutos na tomada para o carro ser carregado em 80%. Uma nova geração da tração quattro garante excelência em aderência e em dirigibilidade. Um fator-chave para a característica esportiva e a excelente dinâmica é a posição baixa e central na qual o sistema de baterias é instalado. Ele fornece ao veículo uma autonomia ideal para percorrer longas distâncias. Durante mais de 90% de todas as desacelerações, o e-tron recupera a energia exclusivamente por meio de seus motores elétricos. O carro ainda traz espelhos retrovisores virtuais na versão topo de linha, algo inédito em um automóvel de produção

Salão de SP: Fiat apresenta o Fastback, conceito derivado do Toro

 

Com linhas ágeis e fluidas, o mais novo concept car da Fiat é o encontro da essência do fastback italiano com a visão de futuro da marca. Com o visual marcante da caída dinâmica do teto, o modelo de 4 portas traz superfícies que transmitem ousadia, elegância e esportividade.

No frontal, a grade em lâminas horizontais cria um desenho preciso entre as peças, trazendo refinamento e largura ao conjunto. O logo FIAT é uma clara referência à essência do lettering original da marca.

Na fase de montagem do concept car, a equipe do Design Center Latam trabalhou integrada e com muito empenho para acompanhar cada detalhe de todas as peças. O desafio está na reta final: surpreender o público do Salão do Automóvel de São Paulo, ao transmitir com emoção a essência do design italiano.

No estande da Fiat, outras surpresas serão reveladas. Haverá três show cars, com elementos inovadores que traduzem a ousadia da marca de sempre antecipar tendências.

q98a9457q98a9448

Salão de SP: FORD apresenta novos Edge ST, EcoSport sem estepe, o SUV médio Territory e o Fusion Hybrid Plug-in

A Ford apresenta grandes novidades no Salão Internacional do Automóvel de São Paulo 2018, com lançamentos, conceitos e “show cars” que dão sequência à renovação da linha de produtos da marca e apontam suas futuras tendências. Seu estande, montado em formato de galeria de arte com o tema Ford Design Hall, também será palco de várias interações com o público durante o evento, de 8 a 18 de novembro no São Paulo Expo.

A mostra inclui o Edge ST, o EcoSport sem estepe na traseira e o Territory, além dos conceitos Ka Urban Warrior, Ranger Storm e Ranger Black. O Fusion Energi, a F-150 Raptor e o Mustang completam a lista, ao lado de modelos da linha atual da marca.

SUVs, esportivos e elétricos

Os SUVs são os astros da Ford no salão, com três grandes atrações. O novo Edge ST, primeiro carro a trazer para o Brasil a grife “Sport Technologies” de carros de alto desempenho da Ford, terá a pré-venda iniciada durante o salão. O EcoSport Titanium sem o estepe na traseira é outra grande novidade que chega em breve às ruas. Já o Territory, novo SUV médio global repleto de tecnologia, desenvolvido na China, é apresentado como conceito.

O Mustang de nova geração, equipado com um arsenal tecnológico de respeito e cavalaria pesada sob o capô, tem lugar de destaque no estande. Os fãs poderão ver três Mustangs GT Premium, um deles em versão especial tunada de 1.000 cv.

A F-150 Raptor, picape off-road de alta performance, é apresentada na versão 2019, com novas tecnologias de controle. Na área de carros elétricos a Ford traz o Fusion Energi, versão híbrida plug-in do sedã com bateria de nova geração que também pode ser recarregada na tomada.

Propostas de estilo

A mostra da Ford inclui conceitos desenvolvidos para testar a reação dos consumidores a novas propostas. O Ka Urban Warrior tem suspensão elevada e elementos de estilo que dão ao Ka Sedan uma roupagem nova e esportiva, com foco no uso urbano.

A picape Ranger traz duas propostas de personalização, criadas a partir de modelos diesel com cabine dupla. A Ranger Storm exibe pintura exclusiva em duas cores e elementos que reforçam a musculatura da carroceria. A Ranger Black, como diz o nome, tem a cor preta como tema, criando um visual ousado e moderno.

Salão de SP: Jeep apresenta novos Wrangler, Renegade e Cherokee

 

Agora, na 30ª edição do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, a Jeep destaca seu grande momento de consolidação como a marca mais competitiva no segmento que mais cresce no mercado nacional. A Jeep está no quarto ano consecutivo de crescimento significativo, com alta de 22,4% sobre 2017, bem maior do que a indústria de automóveis como um todo (13,5%).

Portanto, a trilha continua e o estande da Jeep no São Paulo Expo mostra tudo o que vem pela frente, com a mais completa gama de SUVs do mercado.

Novo Renegade

O SUV compacto que reinventou o segmento chega à linha 2019 com evoluções em design, conectividade, tecnologia, capacidade, segurança e equipamentos. Como os novos faróis de LED e a maior tela multimídia do segmento, de 8,4 polegadas, compatível com Android Auto e Apple Car Play. E preços ainda mais competitivos.

O Jeep Renegade continua sendo o único no segmento a não derivar de carro de passeio e a ter motor a diesel, câmbio de nove marchas, tração 4×4 com reduzida, controle de descida e seletor de terrenos, além da suspensão independente nas quatro rodas em todas as versões.

imagem-9

Compass

Veículo nacional com mais tecnologias de condução autônoma e há mais de um ano à frente do mercado geral de SUVs no país, o modelo já superou a casa de 100 mil unidades vendidas e recebeu mais conteúdos em todas as versões da linha 2019, além de novas rodas e cores.

Nas configurações de topo, Limited (Flex e Diesel) e Trailhawk (somente Diesel), o sistema de estacionamento semiautomático Park Assist virou de série, assim como a partida remota do motor pela chave, extremamente útil para deixar a ampla e bem acabada cabine na temperatura ideal antes de entrar.

imagem-4

Novo Wrangler

A nova geração do veículo que mais bem materializa o espírito Jeep estreia no Brasil em grande estilo. Conhecido também pelo código JL, o Novo Jeep Wrangler traz ainda mais da incomparável capacidade off-road, maior uso de alumínio na carroceria, mais tecnologia e conectividade na cabine e um conjunto mecânico inteiramente novo. Tudo com design renovado mas ainda fiel às origens.

Agora, o Wrangler conta com o inédito motor 2.0 turbo, com injeção direta de gasolina, que rende 272 cv e 40,8 kgfm. Combinado a ele está um moderno câmbio automático de oito marchas e a tração 4×4 com caixa de redução.

O Novo Jeep Wrangler estará disponível no primeiro semestre de 2019 nas carrocerias de duas e quatro portas (Unlimited), incluindo – pela primeira vez no país – a versão Rubicon, com uma série de upgrades para o off-road pesado.

Renegade Willys

O Salão do Automóvel também é palco para a apresentação desta futura edição limitada do Renegade, que homenageia a marca que criou os primeiros Jeep. A base será a versão Trailhawk, mas com vários diferenciais de estilo. A exemplo das inscrições “Willys” nos para-lamas dianteiros e “4-Wheel Drive” na tampa traseira, como era comum nos antepassados do Renegade.

A pintura da carroceria será Verde Recon, combinada a várias peças externas com acabamento escuro, como as rodas, emblemas, molduras de grade e para-choques e capas de retrovisores. Tonalidades que contrastam com a estrela branca nas colunas C, também bordada nos encostos dos bancos dianteiros.

imagem-8

Compass S

A próxima série especial do SUV mais vendido do Brasil o coloca como um exemplo de sofisticação. O ponto de partida foi a versão Limited Diesel 4×4 com uma pintura exclusiva, na cor Deep Brown, combinada a vários itens escuros (rodas, logotipos, frisos etc.) que normalmente seriam cromados.

O Jeep Compass S também terá de série o pacote de tecnologias de condução autônoma formado por controle adaptativo de velocidade (ACC), aviso de colisão frontal com frenagem automática (FCW+) e monitoramento de mudança de faixa com correção ativa (Lane Sense). Além do Park Assist, que já equipa todo Compass Limited e Trailhawk na linha 2019.

imagem-5

Novo Cherokee

Em avaliação para voltar ao mercado brasileiro, o Novo Jeep Cherokee também faz a primeira aparição no país, poucos meses depois de ser lançado na América do Norte. O modelo, que também ganhou o novo motor 2.0 turbo de 272 cv, exibe uma extensa reestilização.

Tanto na dianteira quanto na traseira, os novos conjuntos óticos com extenso uso de LED e os novos para-choques renovaram o estilo único do Cherokee. No interior, o console central foi redesenhado, com o reposicionamento do hub de conectividade, o que aumentou o espaço do porta-objetos.

Grand Cherokee

Topo da gama Jeep, o SUV grande segue à venda nas concessionárias da marca no território nacional, em versão única, Limited, com dois motores V6: o Pentastar de 3,6 litros a gasolina e o 3.0 turbo diesel. A transmissão é sempre automática de oito marchas, com tração integral Quadra-Trac II.

Na longa lista de equipamentos, vale ressaltar sete air bags, teto solar panorâmico, bancos dianteiros elétricos com aquecimento e ventilação e o conjunto de entretenimento, composto pela central Uconnect com visor de 8,4” no painel, duas telas traseiras de 9” com entradas HDMI e fones de ouvido sem fio e som premium com nove alto-falantes e um subwoofer.

Salão de SP: Novo Camaro é apresentado em versões cupê e conversível

2019 Camaro SS front fascia features a “flowtie” open bowti

O superesportivo é apresentado no Brasil na versão SS cupê e conversível com aperfeiçoamentos na performance do motor 6.2 V8 de 461 cv. O Novo Camaro diferencia-se também pelo design mais imponente e esportivo.

Na dianteira, essa percepção dá-se pelos novos faróis, capô, grade e para-choque, proporcionando uma personalidade muito marcante ao veículo.

Os projetistas usaram de criatividade para integrar os elementos estéticos, através da profusão de formas, dimensões, materiais e cores distintas. Buscou-se também evoluções aerodinâmicas – razão da gravata Chevrolet vazada.

O mesmo conceito foi aplicado na parte traseira. As lanternas, aliás, mostram a evolução do conceito “dual-element” da Chevrolet e harmonizam com o para-choque mais musculoso.

Na lateral, o diferencial fica por conta das rodas aro 20 com escultura e acabamento inéditos.

Transmissão de 10 marchas

Outro avanço está na nova transmissão, automática sequencial de 10 marchas, que substitui a anterior, de oito. Traz ainda a função “launch control”, para arrancadas bruscas com a máxima eficiência em autódromos, por exemplo.

Vale ressaltar ainda a adoção da nova geração do sistema multimídia MyLink da Chevrolet, do retrovisor central com câmera de ré para melhor visibilidade em manobras e o alerta de colisão frontal.

Mais detalhes do modelo serão anunciados no lançamento. O carro chega às lojas no início do ano que vem.

 

Salão de SP: BOLT EV será vendido no Brasil em 2019 por R$ 175.000

Chevrolet-Bolt-EV-(5).jpg

No Salão do Automóvel de São Paulo, a empresa anuncia a comercialização no Brasil do Chevrolet Bolt EV, o primeiro carro elétrico do mundo a combinar preço acessível e autonomia semelhantes ao de um carro médio a combustão igualmente bem equipado.

Divertido de dirigir, o Bolt EV é capaz de rodar, em média, 383 quilômetros com uma única carga das baterias – número superior a qualquer outro veículo de sua categoria. Vale ressaltar que o brasileiro roda, em média, 40 km em seus deslocamentos diários.

O modelo ainda conta com sistema regenerativo que aproveita a energia dissipada em frenagens e desacelerações para ampliar sua autonomia e garantir tranquilidade ao usuário em viagens mais longas.

A recarga das baterias é feita em tomadas e há opções que combinam com diferentes necessidades de deslocamento do usuário. No caso de um carregador semirrápido, uma hora garante 40 km de autonomia. Já em carregadores rápidos, encontrados em eletropostos, bastam 30 minutos para rodar mais 145 km.

Além de mais limpa, a energia elétrica gera economia para o motorista do Bolt EV. Hoje, o custo estimado por quilômetro rodado do elétrico da Chevrolet é cerca de quatro vezes inferior ao de um modelo do mesmo porte movido a gasolina.

O Bolt EV ainda oferece o alto torque característico dos motores elétricos. Arrancadas de 0 a 100 km/h podem ser feitas na casa dos 6,5 segundos.

Início das vendas

Para a GM, a indústria automotiva irá se transformar nos próximos 5 anos mais do nos últimos 50, seguindo o ritmo de mudanças que acontecem em outros importantes setores no mundo, sendo que, no futuro, os carros serão elétricos.

Megacidades, conectividade, novas soluções de mobilidade e sustentabilidade. Tudo isso tem influenciado na forma como os consumidores estão interagindo com os automóveis.

O Bolt EV representa a experiência e os investimentos de 20 anos que a GM faz nesta tecnologia como um todo. Tanto que os carros elétricos produzidos pela empresa no mundo já rodaram mais de 4 milhões de quilômetros.

O Bolt EV é a porta de entrada para a total conectividade e para os carros autônomos.

No Brasil, o Chevrolet Bolt EV começa a ser comercializado em 2019, e a configuração do modelo exposta no Salão do Automóvel de São Paulo é a mais completa.

Conheça as principais tecnologias disponíveis no veículo:

  • Sistema regenerativo dos freios
  • Espelho retrovisor central por câmera
  • Assistente de estacionamento com visão 360 graus
  • Painel digital customizável
  • Driver Information Center com tela de 10,2 polegadas
  • Faróis com tecnologia HID
  • Pneus auto-vedantes
  • Assoalho plano com fechamento aerodinâmico
  • Sistema de recarga de smartphone por indução magnética (sem fio)
  • Assistente de permanência na faixa
  • Alerta de ponto cego
  • Aviso de tráfego traseiro cruzado
  • Alerta de colisão frontal
  • Frenagem automática para mitigar acidentes